O Concelho de Amares esteve em festa em prol da AMAMENTAÇÃO!

Publicado a 10/10/2011, 01:08 por UCC AMARES   [ atualizado a 10/10/2011, 01:19 ]

No passado 6 de Outubro, a Unidade de Cuidados na Comunidade (UCC) Amares, realizou a Festa da Amamentação. Foi uma iniciativa inserida na Semana Mundial do Aleitamento Materno, onde foi possível cruzar conversas sobre Amamentação. A sessão de abertura foi presidida pela Coordenadora da UCC Amares, com a presença do Sr. Presidente do Município de Amares, José Barbosa e Sr. Director Executivo do ACES Gerês/Cabreira, Dr. Custódio Lima.

 

Seguidamente desenvolveu-se a tertúlia alusiva à Amamentação: Uma experiência 3D. A moderação da mesa ficou a cargo da Enfermeira Especialista de Saúde Materna e Obstetrícia – Ana Paula Carvalho, que contou com a presença de ilustres convidados: Enfermeiras Especialistas em Enfermagem de Saúde Materna e Obstetrícia, Rosário Côto e Fátima Martins - Docentes da Escola Superior de Enfermagem, da Universidade do Minho, Dra. Rosa Macedo – Médica de Família e Dra. Graça Machado – Educadora e responsável pelas Amas no Concelho de Amares.

 

A assistir e a participar esteve um grupo heterogéneo constituído por crianças, mães, grávidas que frequentam a Parentalidade, alunos do 12º ano da Escola Secundária de Amares, adultos e idosos. Foi interessante verificar o desenvolvimento de um debate muito construtivo e profícuo acerca da amamentação. Consideramos também que foi o mote para a reflexão e consciencialização da importância do aleitamento materno.

 

O leite materno, contém potencialidades inúmeras e inquestionáveis, as quais levaram a OMS e a UNICEF a considerá-lo o melhor início de vida para a criança. As mesmas Organizações consideram ser vantajoso o seu uso, de forma exclusiva, até aos 6 meses de vida e a sua manutenção até aos 2 anos ou mais.

 

Do ponto de vista biológico para a criança, o leite materno é sem dúvida o mais adequado para a alimentação dos bebés. É de fácil digestão, possui todos os nutrientes e em quantidades adequadas às necessidades da criança e reforça o seu sistema imunitário. Do ponto de vista emocional promove a vinculação e fortalece a relação mãe - filho. Os benefícios da amamentação não se reduzem à criança, à mãe e à família mas alargam-se à sociedade e ao ambiente.

 

Mas para amamentar não basta querer, é necessário aprender e desenvolver o saber fazer. O conhecimento antecipado das vantagens da amamentação mas também das dificuldades que podem surgir, podem promover uma maior adesão e prolongar a amamentação. Esta informação é proporcionada durante as sessões de Preparação para a Parentalidade/Preparação para o Parto, a partir das 28 semanas de gestação. As sessões realizam-se nas instalações da UCC Amares e destinam-se a todos as grávidas ou casais que assim o desejem. Nas sessões são abordadas temáticas relacionadas com o parto e o pós-parto, entre as quais se inclui a amamentação.

 

E como não há festa sem música… A Festa da Amamentação terminou com um momento musical que esteve a cargo da Escola de Música da Associação de Fomento Amarense (AFA).

 

É propósito da UCC Amares continuar a fomentar iniciativas similares, promovendo a aquisição de comportamentos salutogénicos, na população do Concelho de Amares.

 

A AMAMENTAÇÃO SEMENTE QUE BROTA VIDA!

Comments